Perguntas e Respostas: “É errado assistir filmes na internet sem pagar?”

Pergunta

Queria assistir um filme no youtube que só achei em DVD e é muito caro. Tem problema assistir um filme que alguém subiu no youtube se for sobre o evangelho?

Resposta

No manual Princípios do Evangelho temos um capítulo sobre honestidade e há uma citação que responde sua pergunta:

“Quando pegamos algo que pertence a outra pessoa, a uma loja ou à comunidade, sem permissão, estamos roubando. Pegar mercadorias ou suprimentos de um empregador é roubo. Copiar músicas, filmes, gravuras ou textos sem a permissão do proprietário dos direitos autorais é desonesto, e isso é uma forma de roubo.”

No site da Igreja, também há uma instrução para o uso de mídia nas reuniões da Igreja que se aplica às nossas vidas:

“Os membros da Igreja devem obedecer rigorosamente a todas as leis de direitos autorais. Geralmente, apenas o proprietário do direito autoral pode autorizar a duplicação (cópia), distribuição, apresentação e exibição pública, ou obras derivadas de sua obra.”

A instrução continua:

“O direito autoral é a proteção garantida por lei aos criadores de obras intelectuais originais existentes em forma tangível, como, por exemplo:

  • Obras literárias, musicais, teatrais e coreográficas.
  • Obras de arte, fotografias e esculturas.
  • Obras audiovisuais (tais como filmes, vídeos, CDs e DVDs).
  • Programas ou jogos de computador.
  • Bancos de dados da Internet ou de outros meios eletrônicos.”

“Mas o filme é sobre o evangelho”

A Igreja disponibiliza vários materiais gratuitos na Internet como os Vídeos da Bíblia, Vídeos do Livro de Mórmon e até mesmo o longa metragem “Conheça os Mórmons.” Mas há vários filmes que não foram produzidos pela Igreja e sim por estúdios e atores que desejam compartilhar a história dos membros. Entre os mais famosos temos:

  • 17 Milagres
  • O Resgate de Efraim
  • O Outro Lado do Céu
  • Charly

Muito dinheiro foi investido por esses estúdios para produzir esse material. E o único retorno deles é por meio de venda desses filmes. Se assistirmos esses tipos de filmes no Youtube, Facebook, ou qualquer outro lugar sem pagar, é o mesmo que roubar um item de alguma loja com a desculpa “mas o dono da loja é membro da Igreja.”

“É muito caro”

O manual Princípios do Evangelho continua: “Essas desculpas e muitas outras são dadas como razões para a desonestidade. Para o Senhor não existem razões aceitáveis. Quando damos desculpas, enganamos a nós mesmos e o Espírito do Senhor Se afasta.”

Relacionado:

Os mórmons podem assistir filmes piratas ou usar softwares craqueados?

O post Perguntas e Respostas: “É errado assistir filmes na internet sem pagar?” apareceu primeiro em Portal SUD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *