Criada a estaca mais ao sul do mundo: Tierra del Fuego, Argentina

O fim de semana marcou um dia histórico para os membros da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias que vivem nos “confins da terra”.

Tierra del Fuego , ou “a ilha no fim do mundo”, é uma província no extremo sul da Argentina. Um destino turístico bonito e popular para aqueles que desejam ir o mais longe possível em direção sul sem chegar à Antártida.

O local não é facilmente acessado. Vôos ocasionais ​​são o principal meio de chegar à ilha.

Mas apesar da distância, a área tem uma população cada vez maior de santos dos últimos dias fiéis e, em 2 de junho, mais de 800 membros se reuniram na cidade de Ushuaia para testemunhar a criação da primeira estaca na ilha.

O Élder Mark A. Bragg, Setenta Autoridade Geral e primeiro conselheiro na presidência da Área Sul da América do Sul, disse:

“É algo histórico porque será a estaca mais meridional (ao sul) do mundo e continuará assim, a menos que criemos uma na Antártica. As pessoas estão tão animadas”.

Laura Sanchez, membro pioneiro da área, disse ao Élder Bragg:

“Às vezes me perguntei se o Senhor se esqueceria de nós aqui no fim do mundo, e então tivemos uma visita de um apóstolo e depois uma estaca foi criada. Ele realmente está consciente de nós “.

Durante sua visita de fevereiro ao país, o Élder Renlund pediu especificamente para visitar algumas das áreas mais remotas da região, explicou o Élder Bragg.

Depois de conhecer as pessoas de lá, o Élder Renlund expressou seu amor pelo povo e desempenhou um papel fundamental no processo de aprovação da nova estaca, disse o Élder Bragg.

O presidente Lucas Romano, anteriormente da presidência do distrito na área, foi chamado como o primeiro presidente de estaca da nova Estaca Tierra del Fuego Argentina.

Ao compartilhar seu testemunho, o Presidente Romano falou sobre a coligação de Israel em ambos os lados do véu e a importância de ministrar e ajudar os outros no caminho do convênio, lembrou o Élder Bragg.

“Foi a mensagem perfeita para uma nova estaca”, disse o Élder Bragg sobre a maneira como o Presidente Romano enfatizou a visão do Presidente Russell M. Nelson.

O Presidente Caludio Salerno, presidente da Missão Argentina Comodoro Rivadavia, disse:

“Foi um banquete espiritual. Era um sonho de muitos membros por muitos anos que foi realizado graças aos esforços de ministração de membros e missionários trabalhando juntos. ”

Para o Élder Bragg, “estar com os santos e ver a alegria em seus rostos durante a criação da estaca e a nova presidência da estaca foi realmente um dos grandes destaques de minha vida”. Todos os presentes naquele dia tinham alegria em seus rostos, ele disse.

Também participaram no dia 2 de junho o vice-governador Juan Carlos Arcando e outros dignitários da Província da Terra do Fogo. Em fevereiro, o governador se reuniu com o Élder e a irmã Renlund e assistiu a um devocional. O Élder Bragg observou que o governador ficou satisfeito em ver a criação da estaca e compartilhou sua esperança de que ela seria a primeira de muitas na região.

Esta é uma tradução do artigo escrito originalmente por Aubrey Eyre e publicado no site thechurchnews.com com o título “Argentina’s Tierra del Fuego gets a new stake at the ‘ends of the earth’”.

O post Criada a estaca mais ao sul do mundo: Tierra del Fuego, Argentina apareceu primeiro em Portal SUD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *